O QUE FAZER EM WINDHOEK / Namíbia

A capital da Namíbia é pequena e super fácil de conhecer.

Você precisa de apenas um dia – não mais do que isso – pra percorrer tudo!

Apesar do tamanho, Windhoek com pouco mais de 200 mil habitantes, respira ares de cidade grande. Tem prédios, trânsito bem intenso, shoppings e ótimos restaurantes.

Recomendo que passe um dia aqui para conhecer a maior cidade do País – e que te oferece uma realidade bem diferente da realidade do interior da Namíbia. Mas anote aí, só um dia – mais do que isso é desnecessário!

Windhoek

Se você estiver de carro sugiro estacionar em frente à igreja principal e fazer quase tudo lá a pé. Caso esteja de táxi também sugiro descer por lá e fazer uma caminhada pelos principais pontos turísticos. Em uma manhã ou uma tarde você conhece praticamente todos os pontos turísticos.

 

-Christuskirche – é a igrejinha principal da cidade. É pequena, bem simples, mas bem bonitinha. É considerada uma relíquia deixada pelos alemães na época em que governaram a Namíbia. A igrejinha luterana foi construída no início dos anos 1900. Você não vai levar 15 minutos para visitá-la. Observe pela foto que o estacionamento que eu indico parar o carro para visitar as atrações ao redor fica bem em frente. Vai precisar só dar uma gorjeta ao flanelinha.

20180905_111521

 

-Museu Nacional da Independência – fica ao lado da Igreja e dá pra ir a pé. O Museu é de graça e bem interessante. São três andares mostrando a história da Namíbia, as guerras, a crueldade que o povo sofreu lutando contra a Alemanha e a África do Sul pela independência. O país, pra quem não sabe, se tornou livre em 1990, ou seja, há pouco tempo! Achei que seria chato mas foi bem legal.

No dia em que fui encontrei as portas do museu abertas, sem ninguém na recepção e sem nenhum outro funcionário em nenhum outro lugar. Apenas entrei e visitei os três andares.

No último andar há um café com uma vista linda pra capital! Parada obrigatória pra foto! Levei 30 minutos por lá.

00207206

 

-Parlamento – fica entre a Igreja e o Museu Nacional da Independência – também dá pra fazer caminhando. Os prédios do parlamento não são abertos ao publico mas os jardins do parlamento são. Você vai levar 15 minutos no máximo caminhando por ali.

cUyljUbU

 

-Museu Owela- fica dentro de uma tradicional escola, bem ao lado do Museu Nacional da Independência. Também é de graça, também dá pra ir a pé e também é interessante apesar de bem simples. Lá é possível entender mais dos povos que habitaram e que ainda habitam a Namíbia, como a tribo Himba.

 

-Craft Center – é um dos poucos locais da cidade para se comprar lembrancinhas e presentes da Namíbia. Nada lá é caro! Sugiro comprar no seu último dia de viagem, caso não tenha comprado pelo interior do País. O Craft Center fica 900 metros distante da igrejinha – dez minutinhos caminhando.

 

-Fábrica de cerveja local – Se você adora uma cervejinha e gosta desse tipo de passeio precisa conhecer a Namibia Breweries Limited – a fábrica responsável por produzir duas das mais famosas cervejas locais, a Windhoek e a Tafel.

Eu não gosto desse tipo de passeio e não fui, mas caso você se interesse vou deixar o contato deles. O “beer tour” é de graça e a fábrica fica 13 quilômetros do centrinho.

https://www.nambrew.com/

 

-Oshetu Community Market – é aquele mercadão municipal em que você vai ter a legítima experiência namibiana. Fica no subúrbio da cidade, mais ou menos uns 6 quilômetros da igreja e do museu. Lá você vai encontrar comidas típicas como pães feijão, carnes de caça e até larvas secas. O famoso churrasquinho namibiano com carnes diferentes também é feito na hora. É importante lembrar que esse é um mercado tradicional frequentado por locais – ou seja, a experiência vai ser legítima. Lá nada é feito pra agradar turista então vá com a cabeça aberta e seja sempre educado. Torcer o nariz pra carnes diferentes ou pra comida embalada em jornal pode parecer desrespeitoso.

Kapana-Copy-rights-to-NamibanSun_renamed_2489

 

-Freewalking – um tour caminhando pela cidade! Essa é uma ótima pedida pra quem não quer perder muito tempo. Os passeios são gratuitos e acontecem todos os dias a partir das 9 horas da manhã saindo do Chameleon Backpackers Guesthouse e às 9:30 do Cramers Café, na Independence Avenue. Eles vão passar por todos esses locais que indiquei e ainda vão contar a história de cada um deles. Por garantia, busque mais informações no hotel ou hostel em que esteja hospedado.

 

-Joe´s Beerhouse – É, sem dúvida, o bar mais legal e um dos melhores lugares para se comer e beber na capital. Parada obrigatória para os viajantes que chegam perdidos em Windhoek.  Para saber mais sobre o bar clique aqui.

mAmR-vyI

 

-Trabalho voluntário – A Namíbia é um dos países mais pobres da África e a capital, apesar de ser a cidade mais desenvolvida do País, é também cercada por um gigantesco bolsão de pobreza. Ongs, como a “Home Of Good Hope”, permite que viajantes ajudem em pequenas mas importantes ações na cidade – como servir comida para crianças na cidade. O trabalho voluntário é de apenas um dia mas te possibilita ter um contato incrível e uma experiência inesquecível de amor e solidariedade.

Quem tiver interesse, clique aqui e se inscreva diretamente no site da ONG. 

12290_P1420527-small

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s